Shoppings Center e lojas "Free shop" não são centros de diversões: são armadilhas de consumo.

Shoppings Center e lojas “Free shop” não são centros de diversões: são armadilhas de consumo.

Shoppings Center.

Muito cuidado quando tratamos de shopping centers ou lojas de “free shop”.

Elas são “maquiadas” para se parecerem centros de diversões para você e toda sua família, mas, ao contrário disso, são verdadeiras armadilhas de consumo.

Bem, primeiro não é para começarmos nenhuma paranóia.

Temos, apenas, que nos adaptar à realidade, pois, não há dúvidas, é bem divertido pra muita gente “passear” em shopping ou em lojas de “free shop” … todavia, cuidados devem ser tomados.

Estímulos para fazer você gastar mais e mais.

Aquela música alta, o clima de festa, os preços sem muita clareza, aquele cheiro de perfume nos corredores, os vendedores sempre muito solícitos têm um objetivo muito claro: fazer o máximo de vendas possível com o seu dinheiro.

Vou a esses lugares já com um orçamento ou idéias bem claras do que quero consumir.

Compre com racionalidade.

Se vou comprar algo de maior valor, pesquiso antes na internet e confiro os preços no máximo de lugares que posso, estudo o produto, penso nos prós e contras e me preparo para o vendedor.

A grande maioria dos vendedores é sofrível.

Tem pouco treinamento pra te vender, usam frases robóticas e com pouco argumentação você desconstrói o que falam.

Depois, eles sempre tentam te fazer uma venda adicional (é praxe, comprou sapato, vão tentar de vender meias etc).

Só aceito se for muito boa para mim mesmo.

Bem, passear no “shopping center” é bom, mas fique atento.

Ali não é um centro de diversão, é um lugar feito para fazer você gastar o que você tem e o que você não tem.

Depois, da diversão excessiva e impensada ficam as contas e o prejuízo é todo seu e de sua família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *