Desperdício com energia elétrica é um inimigo seu

Desperdício com energia elétrica é um inimigo seu

Desperdício com energia elétrica é um inimigo seu.

Todos os grandes gurus financeiros (Buffet etc) e empresariais (Jorge Paulo Lemann etc) têm profundo medo do desperdício. Ele suga recursos e mina o fluxo de caixa de empresas e pessoas.

Agora que a conta de energia elétrica está vindo cada vez mais alta é o momento mais do que oportuno para você conferir se o seus atos (e de toda a família) estão adequados para os “novos tempos”.

A CEMIG emitiu as recomendações abaixo para as pessoas não jogarem dinheiro fora com o desperdício.

Veja se você (e sua família toda) está dentro do que se espera para reduzir a sua conta. Reduziu sua conta R$ 50,00? Aplica num título do Tesouro Direto. Reduziu 100 ? Idem. Esse dinheiro vai voltar para você daqui alguns anos a 6% ao ano + IPCA (por exemplo).

Não desperdice.

Pegue esse dinheiro e aplique! 

Dicas da CEMIG (disponíveis no site da empresa)

O consumo de energia depende de duas grandezas: potência dos equipamentos e o tempo de utilização dos mesmos.

Então, em sua residência, você só possui 2 caminhos para evitar o desperdício de energia: ao adquirir um eletrodoméstico tente identificar entre os similares os que possuem menores potências e preste bastante atenção no tempo de funcionamento destes, pois em muitas das vezes os equipamentos permanecem ligados desnecessariamente.

1) – Exemplos de escolhas  de equipamentos de menores potências ou os chamados “eficientes”.

1 – Se você possui uma lâmpada incandescente de 60 Watts de potência, quando esta queimar substitua por uma fluorescente compacta de 15 Watts (economia de 75% nesta substituição).

2 – Na compra de geladeiras verifique sua necessidade, ou seja, a capacidade da mesma em litros e então escolha as que possuírem a Etiqueta do Procel e esteja enquadrada no Modelo A ou B da escala, este procedimento deve ser adotado para todos os equipamentos etiquetados pela Inmetro e Procel.

3 – Ao adquirir secadoras de roupas ou de cabelo, máquinas de lavar roupa ou louças, chuveiros, ferro elétrico, TV e demais eletrodoméstico sempre pergunte pela potência e procure saber a potência que o concorrente está fabricando.

É importante ter em mente que, geralmente, o valor gasto com o consumo de energia é inúmeras vezes superior ao preço de compra de um equipamento elétrico.

A exemplo da compra de um veículo, onde o consumo de combustível é levado em consideração, o mesmo comportamento deve ser adotado na compra de qualquer equipamento elétrico.

Mais dicas

2) – Exemplos de atenção com o tempo de funcionamento dos Eletrodomésticos.

1 – Uma geladeira trabalha para retirar o calor dos produtos acondicionados em seu interior e o ar quente. Este entra pela borracha de vedação em mau estado ou quando a mesma é aberta. Então evite colocar produtos quentes, deixar a porta aberta por muito tempo e faça a vistoria da borracha de vedação através do teste da folha de papel.

Outra questão a ser observada é a realização do degelo: se ela não faz automaticamente, este deverá ser realizado sempre que a camada de gelo atingir 1 cm.

Como podemos ver, o tempo de funcionamento da geladeira depende do número de vezes e o tempo que a porta é aberta, do estado de conservação da borracha de vedação, da freqüência do degelo, da quantidade e da temperatura dos produtor acondicionados.

2 – Sempre que for utilizar um eletrodoméstico como o ferro de passar, lavadoras, secadoras, procure fazê-lo na quantidade indicada pelo fabricante e dentro do bom senso. Ligar o ferro para passar uma peça de roupa ou lavar poucas peças de roupa apenas em caso de urgência.

Stand-by

3 – A função stand-by foi desenvolvida para proporcionar conforto, mas temos que ter conhecimento que consome energia e dependendo da quantidade de equipamentos utilizando este recurso diariamente, ocorrerá um consumo mensal elevado devido a este conforto. O uso correto da energia não implica em redução do conforto, mas cabe um alerta.

4 – Geralmente existe a dúvida que ao ligar e desligar um equipamento como lâmpadas, computadores, Tv e outros, podemos diminuir sua vida útil.

Estes equipamentos são projetados para suportar uma elevada situação de liga-desliga então a recomendação é que desligue se não for utilizá-los por alguns minutos porque geralmente estes minutos são transformados em horas e vem a desculpa mais usada no desperdício: ESQUECI.

Use de forma consciente

5 – Como foi dito e deve ser reforçado, o uso consciente de energia não deve diminuir o conforto, mas equipamentos de elevadas potências, como o chuveiro, secador de cabelo e outros com potência acima de 1.000 watts deverão receber uma atenção especial.

O tempo de utilização pode não ser muito elevado, mas como possuem grandes potências, pode-se apurar consumo elevado.

Enfim, fique atento a estes dois procedimentos e o seu desperdício será reduzido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *